Páginas

BOROCOXÔ


Hoje estou bem borocoxô. Down mesmo. Sexta-feira é o dia internacional dos casais e e eu aqui sem saber se ainda tenho namorado ou estou solteira. É a vida.
Bem, para afastar a deprê fui ao salão. Dei a louca e resolvi pintar as unhas de amarelo. Ficaram divertidas e gosto de "ler" a reação na fisionomia das pessoas quando se deparam com algo tão inusitado. Assim me distraio, me reinvento.
Sobre a R.A tá acontecendo algo estranho. A tristeza me tirou o apetite por completo. Esse comportamento é muito diferente da que eu costumava ter no meu passado recente. Eu quando sentia melancolia desatava a comer feito louca e agora não está assim. Está ao contrário, parece que a comida desce quadrada. Será que isso está acontecendo pela R.A ou é a nova maneira como eu enxergo a gordura ? Não sei, estou confusa.
E vocês quando sentem angústia, de que maneira reagem diante da comida?

5 comentários:

Vania San disse...

Infelizmente ainda não cheguei nessa fase: emoções ruins ainda são traduzidas por meu cérebro como "FOME".

Claro que tendo consciência disso é mais fácil, mas ainda estou "engatinhando" nessa (rsss).

Espero que as coisas se definam por aí e para o bem!

Beijão e se cuida!

Aninha-imc22 disse...

menina, geralmente eu durmo..passo o dia e a noite dormindo...é assim que meu corpo me boicota...e qto a caminhada pensei mesmo que fosse três vezes ao dia, e já tava me perguntando de onde tirava tanta disposição...as vezes não tenho vontade de ir, mas vou assim mesmo, porque mesmo lentinha na caminhada consigo eliminar e manter a disciplina de ir...

Julie disse...

aMIGA...QUANDO ME SEPAREI DAQUELE MEU EX COM QUEM FIQUEI 5 ANOS EU ME SENTIA ASSIM TB...NÃO COMIA NADA..NÃO TINHA VONTADE DE COMER NADA...TUDO DESCIA MAL..PERDI 13 KG EM 3 MESES. Só sabia fazer chorar.... estranhava esse meu comportamenteo porque tb sempre que fico anciosa desandava a comer... foi a reação mais adversa que eu sentia...acho que era a tristeza mesmo...beijos...melhoras e fim de semana pela frente...levante a cabeça e segue em frente...

Silmara Sanro disse...

Oi, Cris! Gostei dessa história de ir ao salão para afastar a deprê!
Fiquei aqui rindo quando você disse que pintou a unha de amarelo,rsss.
Eu sempre digo que irei mudar a cor, pois gosto muito de renda, mas nada de ter coragem para tanto, voltava do salão com a mesma cor de sempre ou uma tonalidade muito parecida.
Mas uns dias atrás fui comprar esmalte, pois quando estou disposta, gosto de fazer as minhas unhas, tinha tantos que fiquei parecendo barata tonta, olhei para um de bronze, tipo porpurina e disse é esse.
Cheguei em casa super arrependida,rsss, resolvi passar um dia desses e não dei conta de ficar com ele, só passei em uma mão, só para ter noção de como fica.
Mas amanhã é o dia. Eu vou usá-lo,rs. Amo a cor, tê-las nas minhas mãos será audacioso,rsss.

Quanto a angústia, ainda pendo mais para ter vontade de comer do que para a ausência de fome, a diferença é que antes eu não conseguia nem pensar, comia e pronto, agora fico me controlando, tentando me entreter. O que para mim já é um avanço.

Em relação ao coração, desejo-te dias melhores!

Abraços!!!!

Isa disse...

Nossa, meu sonho... ficar triste e parar de comer ahahha.

Brincadeirinha...

Quero parabenizá-la pelo seu sucesso. Você é uma vencedora... tb estou nesta luta. Vou linká-la.

Bjs!

Isa



Devagar eu Chego Lá